29 de mai de 2010

Não escuto a resposta e nem a tentativa

Pego minha jaqueta

Viro aquela bebida parada

Olho a última vez

E vou...

Mas talvez eu volto.

Nenhum comentário: